Shoppings de Ciudad del Este estão sendo investigados por possível lavagem de dinheiro

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Please enter banners and links.

Dois shoppings de Ciudad del Este estão sendo investigados por possível lavagem de dinheiro e evasão de divisas. De acordo com a Subsecretaria de Estado de Tributação (SET), foi constatado um investimento de cerca de 50 milhões de dólares que não apareceram na contabilidade de um dos Shoppings.

Desde a última quarta-feira, os funcionários da SET estão realizando procedimentos de investigação na administração dos dois shoppings. A investigação também se estende à prefeitura de Ciudad del Este, por ter realizado a concessão do terreno, por 30 anos, onde estão instalados os empreendimentos.

A concessão para a utilização do terreno foi feita durante o governo da ex-prefeita Sanda McLeod. A SET não descarta a possibilidade de repassar o caso para a Secretaria de Prevenção de Lavagem de Dinheiro e Bens (Seprelad) e ao Ministério Público.

De acordo com o vice-ministro de tributação, Oscar Orué, a análise iniciou durante a implantação da reforma tributária, que incorpora o imposto aos dividendos e utilidades (IDU). Neste ano foi iniciado a verificação do cumprimento desta disposição em várias empresas. Durante o processo foi constatado que várias empresas tiveram lucros que não foram declarados corretamente.

“No caso do Shopping, por exemplo, na realidade é um terreno municipal que tem uma concessão de 30 anos. Agora pedimos informações à prefeitura de Ciudad del Este. Vamos verificar absolutamente todo o investimento que foi feito ali. Estamos encontrando um investimento de aproximadamente 50 milhões de dólares. No entanto, a contabilidade não está refletindo isso” detalhou Orué em entrevista à Rádio Monumental 1080 AM.

Por enquanto a fiscalização está centrada na administração dos shoppings, porém poderá ser estendida para outros locais,  onde no momento estão sendo indagados o valor pago em aluguel. Orué avalia que a investigação esteja completa até a próxima segunda-feira.

O trabalho de investigação inclui um pedido de informações ao Banco Central do Paraguai para a analisar a movimentação das empresas. “Não descartamos logicamente que é um indício de há lavagem de dinheiro e evasão de divisas” salientando que ambos os delitos estão relacionados. Se isso foi comprovado, a denúncia será apresentada a Seprelad e ao Ministério Público.

Fonte: Última Hora

Facebook Comentarios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *