Governo do Estado alinha logística para vacinação contra Covid-19

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Please enter banners and links.

Depois do lançamento do Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 do Ministério da Saúde (MS), nesta semana, o Governo do Estado está preparando a logística de distribuição de imunizante no Paraná.

A Secretaria de Estado da Saúde realizou nesta quinta-feira (17) uma reunião técnica para alinhar e organizar o Plano Estadual de Vacinação. A pasta segue o Programa Nacional de Imunização (PNI) e organiza a rede do Estado para que todos os grupos prioritários recebam as doses quando a vacina for regulamentada e disponibilizada para a população.

“Estamos trabalhando há mais de 90 dias com a organização da logística para que o Paraná esteja preparado para quando a vacina for viabilizada. Todas as providências no sentido de alinhar a rede, para que essa vacina chegue de forma rápida e segura a todos os 399 municípios paranaenses, estão sendo tomadas pelo Governo do Estado”, disse o secretário da Saúde, Beto Preto.

ESTRUTURA

A secretaria possui uma estrutura robusta de armazenamento e distribuição como parte do esquema de vacinação. O maior desafio, de acordo com o diretor-geral da pasta, Nestor Werner Junior, será traçar diferentes estratégias para o manejo e a logística de armazenamento do imunobiológico.

“O esquema de vacinação está muito bem consolidado no Estado, temos uma grande expertise no que diz respeito à distribuição das doses. O plano para a vacinação contra a Covid-19 é prioridade para nós, precisamos apurar agora possíveis fragilidades do sistema para que estejamos preparados para a distribuição efetiva e organizada”, disse.

O diretor disse que o grande fator de êxito na campanha de vacinação será a agilidade na distribuição. “A expectativa é que quando as vacinas chegarem ao Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar), a Saúde consiga dispensar as doses em menos de um dia para todas as 22 Regionais e, consequentemente, atender os 399 municípios do Paraná com rapidez”.

O Governo do Estado já fez uma reserva financeira para uma eventual compra da vacina. São R$ 200 milhões já previstos na Lei Orçamentária Anula (LOA-2021). Além disso, elaborou a seguinte estratégia para operacionalizar a vacina da Covid-19:

– Adquiriu cerca de 11 milhões de seringas;

– Aberto registro de preço para aquisição de 16 milhões de Seringas;

– 31 câmaras frias para armazenamento – previsão recursos do Ministério da Saúde e licitação em três meses;

– 1.850 salas de vacinações no Estado já existentes – em estratégia com os municípios;

– Possibilidade de ampliação de locais de vacinação com a estratégia extramuros;

– Abertura de novos processos de aquisição de seringas, agulhas, e outros materiais;

– Processo licitatório de R$ 22 milhões em andamento para aquisição de equipamentos de proteção individual (EPI), como máscaras, luvas, gorros, avental, algodão;

– Aquisição de 70 câmaras frias de 1,2 mil litros (previsão de 30 dias);

– 21 câmaras frias já adquiridas pela Vigilância Sanitária, com previsão de chegada em 15 dias;

– Freezers (produção de gelo) e equipamentos de ar-condicionado

– 110 câmaras frias para 98 municípios em processo de compra para localidades com até 100 mil habitantes. Previsão em dois meses (já em andamento);

– 4 contêineres refrigerados de 40 pés para armazenamento de 100 mil doses de vacinas cada, com capacidade de 400 mil doses no Cemepar (já em andamento);

– 17 ª Regional de Saúde já locou um container de 20 pés para armazenamento de 50 mil doses de vacina;

– 4 caminhões refrigerados já fazem a distribuição de vacinas e deve haver ampliação de novos veículos e o número de veículos deve ser ampliado;

– Perspectiva de implantação de câmaras modulares para armazenamento frio nas 22 Regionais de Saúde, se necessário.

PARTICIPAÇÕES

Participaram da reunião as equipes técnicas da Secretaria da Saúde, da Divisão de Imunização, Epidemiologia, Vigilância Sanitária, Assistência Farmacêutica, Cemepar, Laboratório Central do Estado (Lacen), Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná (Hemepar), financeiro e administrativo.

Fonte: AEN

Facebook Comentarios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *