Prefeitura de Foz amplia ações de conscientização à vacinação de crianças

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Nesta primeira fase em Foz, pais de crianças matriculadas em Cmeis deverão apresentar a carteira de vacinação dos filhos para comprovação da imunização.

A Secretaria Municipal de Saúde de Foz do Iguaçu irá reforçar as ações sobre a importância da vacinação de crianças contra a influenza, sarampo e covid-19. Nesta segunda-feira (16), um comunicado foi enviado aos pais de crianças nos Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis), para que apresentem a carteira de vacinação dos filhos.

Na quarta-feira (18), os documentos serão avaliados para verificar também outras doses em atraso. Na sexta-feira (20), com a presença dos responsáveis, as crianças serão vacinadas.

Conforme explica a secretária de Saúde, Jaqueline Tontini, na sequência o mesmo trabalho será feito com pais de alunos matriculados em escolas municipais e escolas privadas.

Com os dados, será possível realizar a vacinação em massa e minimizar os impactos das doenças respiratórias. Caso o documento não seja apresentado, as informações serão encaminhadas ao Conselho Tutelar.

O motivo da mudança foi a baixa adesão às campanhas em andamento, como as contra a Covid-19, Sarampo e Influenza. Até o momento, 56% das crianças foram vacinadas contra a covid-19, e apenas 31,53% receberam as duas doses. Contra a influenza, foram vacinadas 12,1% das crianças entre seis meses e quatro anos.

“Estamos entrando em um período em que as temperaturas estão ficando cada vez mais baixas, o que impacta diretamente na saúde dos pequenos. A vacinação é uma garantia de proteção e cuidado que os pais devem ter com os filhos e, por isso, estamos reforçando esse apelo para que todas elas sejam imunizadas”, disse Jaqueline.

Aumento de casos

A proposta foi apresentada pela Secretaria Municipal de Saúde, na última sexta-feira (13), durante a reunião com o Comitê de Enfrentamento à Covid-19, após a divulgação do boletim da semana epidemiológica. De acordo com o documento, houve um aumento de 218% dos casos da doença.

“Não podemos dar ouvidos a notícias falsas sobre a vacinação, pois ela já se mostrou muito eficaz para vencermos a covid e outras doenças. Vacinar é contribuir com o coletivo, pois são doenças contagiosas e que podem ser controladas com essa imunização em massa”, completou o prefeito Chico Brasileiro.

Campanhas de vacinação

Em parceria com o Governo Estadual, a Secretaria de Educação também irá realizar uma campanha de vacinação contra a influenza em professores de 25 colégios estaduais de Foz.

No dia 25 de maio, outro evento de imunização irá acontecer no Sest/Senat, com a imunização de caminhoneiros contra a influenza.

“A vacinação em adultos também está com baixa adesão, por isso precisamos criar métodos que facilitem a chegada dessas doses aos cidadãos que ainda não se protegeram. Caso seja necessário, continuaremos ampliando as nossas campanhas”, ressaltou Jaqueline.

Facebook Comentarios

Leave a Reply

Your email address will not be published.